qua. fev 21st, 2024

Sábado é o último dia de atividades da Semana do Femup

By nov 12, 2021 #Destaque2

Loading

Sábado, dia 13 de novembro, é o último dia de atividades da Semana do Femup. E para fechar com chave de ouro, a programação do Festival será dividida nos três períodos: manhã, tarde e noite.

A partir das 10, na Casa da Cultura Carlos Drummon de Andrade, acontece o workshop “Escreviver: como viver da escrita?”, com o premiado escritor André Kondo. Ele vai compartilhar sua vivência e apontar múltiplos caminhos e formas de escrita para a realização de sonhos literários.

Às 14h30 começam as leituras dramatizadas dos contos selecionados para o Femup, também na Casa da Cultura Carlos Drummond de Andrade. Serão quatro trabalhos selecionados, de autores do Paraná, São Paulo e Minas Gerais. O conto “A nona barragem”, de Nando Nogueira (Jundiaí-SP) será interpretado pelas leitoras da Cia Pausa para o Riso – Karina Lima, Juliana Santana, Kátia Batista, Fabiana Marinho e Ana Paula Gheno. Em seguida, as leitoras do grupo Fuerzadel Toro – Luciana Guedes, Jaquelina Lira, Jane Carvalho e Tânia Volpato – farão a leitura dramatizada do conto “Mariana, ao Mar”, de Camila Fernandes (Governador Valadares-MG). O terceiro conto será “Natureza”, de Renato Benvindo Frata (Paranavaí-PR), que será interpretado pela leitora

Rosi Sanga. O último trabalho, o conto “Pandemia do Ódio”, de Grégori Gabriel (Paranavaí-PR) será dramatizado pelas leitoras do grupo Guardiãs da Arte – Adriana Prado, Emanuele Machado, Ana Júlia Brandão e Leyla de Araújo.

E à noite, a partir das 20h, acontece a última “Noite de Gala”, com as apresentações do segundo grupo de trabalhos premiados no 56º Femup, na Praça dos Pioneiros. A abertura da noite de apresentações será feita pela Orquestra Municipal.

A 56ª edição do Femup teve um número recorde de inscrições. Foram 1.524 obras inscritas através do Formulário on-line disponibilizado pela Fundação Cultural, sendo 699 inscrições na modalidade Poesia, 457 na modalidade Conto e 368 na modalidade Música. O Femup recebeu inscrições de aproximadamente 370 municípios de vários Estados do Brasil, além de outros países, como Portugal e Japão.

 

Confira a ordem de apresentações dos trabalhos premiados na última Noite de Gala do Femup:

 

ORDEM APRESENTAÇÃO

1º ABERTURA – Orquestra Municipal de Paranavaí

2º DECLAMAÇÃO – Poesia “Pele e lençol”, de Allan Ferreira, Brasília – DF. Declamador: Amauri Martineli

3º MÚSICA – “Contemporaneidade”, de Max Nascimento, Belo Horizonte – MG

4º MÚSICA – “Que eu sou o amor da sua vida”, de Roberto de Sá, Paranavaí – PR

5º DECLAMAÇÃO – Poesia “Renascimento”, de Júlio Corrêa, Rio de Janeiro – RJ. Declamadora: Jaqueline Lira

6º MÚSICA – “Brasilidade”, de LidiaDallet, Sobradinho – DF

7º MÚSICA – “Coragem”, de Victor Mus, Rio de Janeiro – RJ

8º DECLAMAÇÃO – Poesia “depois de tudo, a palavra”, de Sinval Farias, Fortaleza – CE. Declamadora: Thamiris Dias Vasconcelos

9º MÚSICA – “Canção do Sol”, de Rodolfo Lemys, Paraiso do Norte – PR

10º DECLAMAÇÃO – Poesia “Ornamentos Bélicos”, de Gustavo Figueiredo, Paranavaí – PR. Declamadora: Karina Lima

11º MÚSICA – “Cosmonauta”, de Maranda, Rio de Janeiro – RJ

12º DECLAMAÇÃO – Poesia “Lira Inflamada (Lira Destemperada)”, de Márcio Alessandro de Oliveira, Guarapari – ES. Declamadora: Ana Helena Teixeira

13º MÚSICA – “De verdade”, de Vinícius RovedoBratfisch, Paranavaí – PR Intérpretes: Banda Urutau Crew

14º DECLAMAÇÃO – Poesia “Bicho ruim que num enverga”, de Lilly Araújo, São Paulo – SP. Declamadora: RayaniSegantini

15º MÚSICA – “Frio e Sol”, de Hugo Ubaldo, Paranavaí – PR

Visits: 19

By

Related Post

Optimized by Optimole