Região

Núcleo Regional quer fechar Ceebja de Medianeira

Vereadores querem explicação da Seed e da Chefe do Núcleo

A Câmara de Vereadores de Medianeira aprovou na sessão ordinária realizada na tarde de segunda-feira (05), envio de um oficio ao Secretário de Estado da Educação,  Renato Feder, e à Chefe do Núcleo Regional de Educação de Foz do Iguaçu, Silvana Garcia André, solicitando o cancelamento da  decisão  de  fechamento  do Centro  Estadual  de  Educação  Básica para Jovens  e  Adultos–CEEBJA,  do  Município  de  Medianeira. Além de Medianeira os  Municípios  de Matelândia  e  São  Miguel  do  Iguaçu,  também estão tentando fechar os CEEBJAs; interessante é que os maiores interessados não foram ouvidos deixando a população de lado.

Os parlamentares foram informados pela diretora do CEEBJA de Medianeira e pela direção da Escola Olavo Bilac, que no dia 22 de março, em reunião realizada no Núcleo Regional de Educação de Foz do Iguaçu, foram informados que até o final deste ano o encerramento das atividades da instituição de ensino CEEBJA no Município, com todos os alunos transferidos para a Escola Olavo Bilac e os servidores ficarão sem lotação, sendo direcionados para outras instituições. Após a reunião, as cidades de São Miguel do Iguaçu e Matelândia foram informadas do encerramento das atividades.

A Diretora entrou em contato com a coordenação dos CEEBJAs em Curitiba, que disse desconhecer esta ação, os demais Núcleos Regionais de Educação do Estado não estão fechando nenhuma unidade de ensino, sendo esta uma ação isolada do Núcleo Regional de Educação de Foz do Iguaçu.  É de conhecimento da comunidade escolar dos Municípios de Medianeira, Matelândia e São Miguel do Iguaçu, os esforços da maioria dos  diretores, professores, pedagogos e funcionários das instituições de ensino para mantê-los funcionando e ofertando aos alunos uma educação de qualidade.

foi destacados pelos parlamentares, que há uma crescente demanda para a ampliação dos CEEBJAs nos demais períodos, na região existem diversas indústrias cujos funcionários trabalham no período noturno e não conseguem retomar os estudos.

Os vereadores Delcir Berta Aléssio (PSDB) e Joselito Muniz dos Santos (PSDB), ambos professores, demonstraram descontentamento com relação as informações recebidas e querem uma resposta imediata por parte do Núcleo Regional da Educação e da Secretária Estadual de Educação do Paraná.

Fonte: Costa Oeste News

Clique aqui para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo