Brasil

Novo Pronto Atendimento do Jardim Leonor será entregue em maio

A unidade, que passa por completa reconstrução, deve ser inaugurada no dia 20 de maio; também foram vistoriadas a reforma do Ginásio do Maria Cecília e a reconstrução do Terminal Milton Gavetti

Londrina ganhará, em breve, um novo Pronto Atendimento (PA) 24h, de urgência e emergência. As obras de reconstrução do PA do Leonor, em fase final de execução, serão finalizadas em maio deste ano, com previsão de inauguração para o dia 20 deste mês. Os serviços estão cerca de 90% concluídos, avançando para os últimos acabamentos. Após a entrega, esta unidade passará a atender em um prédio próprio, mais amplo, seguro e confortável, com estrutura de primeira qualidade para atender cerca de 400 pessoas por dia.

As informações sobre as obras foram fornecidas durante vistoria realizada na manhã desta terça-feira (20), envolvendo a participação dos secretários municipais Felippe Machado (Saúde), Marcelo Canhada (Planejamento, Orçamento e Tecnologia), Fábio Cavazotti (Gestão Pública) e João Verçosa (Obras e Pavimentação). Engenheiros fiscais da Prefeitura e das empresas que executam os serviços, estiveram nas atividades.

O PA do Jardim Leonor é uma das unidades municipais de Pronto Atendimento mais antigas do Brasil, inaugurada na década de 1970. Este local, que antes funcionava no mesmo imóvel da UBS Leonor, não recebia melhorias efetivas há pelo menos 15 anos. A Prefeitura está investindo cerca de R$ 1 milhão, aproximadamente, para realizar a reconstrução do equipamento público. A execução é feita pela Construtora Regioli, empresa contratada via licitação.

O secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, informou que o novo PA do Jardim Leonor terá mais de 1.000 m² de área, em um prédio moderno para atender toda a comunidade da região oeste, de forma eficaz e satisfatória. “Esta é mais uma das obras prioritárias da gestão do prefeito Marcelo Belinati no programa de reestruturação da saúde pública municipal. Pudemos acompanhar hoje a fase final da reconstrução, uma obra de alta qualidade, em prédio amplo com nova sala de emergência, salas climatizadas, ambiência agradável. A população contará com estrutura excelente, e nossos servidores terão condições de atender de forma ainda mais qualificada os pacientes da zona oeste”, afirmou.

Machado ainda ressaltou que, com a ampliação da unidade, a expectativa é quase dobrar a capacidade de atendimento, passando da média de 250 para 400 pessoas atendidas, diariamente, no local. “Trata-se de uma iniciativa muito importante para aprimorar a rede de urgência e emergência em nosso município, renovando um espaço que oferece serviço 24h à população. Este processo engloba as reformas das UBSs de Londrina, construção da nova sede do SAMU, reforma e ampliação da nova Maternidade Municipal, além da aquisição de equipamentos, recomposição de escalas médicas, entre tantas outras ações nesta reformulação da saúde municipal, iniciada em 2017”, concluiu.

O Jardim Leonor receberá um PA totalmente repaginado, com nova cobertura, instalações elétricas e hidráulicas revitalizadas, banheiros reconstruídos com acessibilidade, pintura interna e externa, e climatização em todos os ambientes. Os serviços também incluem adequações em pisos, paredes, telhas e calhas, novas esquadrias, portas, janelas. A última etapa das obras contempla ajustes e acabamentos em pintura, sinalização e comunicação visual, entre outros detalhes. O PA do Jardim Leonor fica localizado na rua Aroeira, 284.

Ginásio Maria Cecília – Este equipamento público municipal está sendo reformado, desde janeiro de 2021. A execução está em cerca de 50%. Dentre as melhorias realizadas no ginásio estão a pintura das áreas interna e externa, substituição de pisos e instalação de novo piso na área superior da construção, revisão das instalações elétricas e hidráulicas, substituições e ajustes em tubulações de água, recuperação de painéis, recomposição de janelas, portas, vidros e esquadrias.

O investimento total da obra é de R$ 315 mil, com execução pela L.S. Regioli Construções Eireli, ganhadora de processo licitatório. O ginásio fica na rua Luís Brugin, 610.

De acordo com o secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada, a revitalização do complexo esportivo do Maria Cecília ficará completa após a entrega das obras do ginásio. “Essa área estava abandonada há muitos anos, em más condições, sem iluminação adequada, e os moradores tinham receio do perigo de violência e outras situações. Agora, a parte externa já está toda renovada com praça, iluminação de LED, pista de caminhada, arena esportiva para diferentes modalidades, piscinas limpas e revisadas. Também há mobiliário novo, floreiras, parquinho infantil e área para pets. Ficou muito bonito e valoriza essa parte da região norte”, ressaltou.

Canhada ainda disse que o ginásio do Maria Cecília é um espaço importante para prática esportiva e encontros da comunidade, na região norte, incluindo ações e atividades culturais, entre outras. “A obra está indo muito bem e esperamos terminar nos próximos 60 dias. A comunidade aguarda por essa obra e ficará muito satisfeita com o resultado final”, acrescentou.

A obra do ginásio integra o processo de reconstrução do Centro Esportivo do Conjunto Maria Cecília, que já teve sua parte externa toda repaginada e entregue em 2020.  Os serviços contemplaram recuperação da praça, nova pista de caminhada, novas calçadas, iluminação em LED, entre várias outras melhorias que tornaram o local mais seguro, acessível e confortável para seus frequentadores. Após o período de pandemia de Covid-19, o espaço contará com atividades esportivas, de lazer e recreação, oferecidos pela Fundação de Esportes (FEL).

A Prefeitura investiu mais de R$ 1,6 milhão, e o projeto foi desenvolvido conjuntamente pelas secretarias municipais de Obras e Pavimentação, CMTU, FEL e Sercomtel Iluminação.

Terminal Milton Gavetti – Ainda na região norte, outra vistoria foi realizada pela Prefeitura nas obras do novo Terminal Urbano do Conjunto Milton Gavetti, que foi reconstruído do zero, após a demolição da estrutura antiga, e deve ser entregue à população no início do próximo mês. Estão praticamente finalizados os trabalhos previstos em contrato, executados pela empresa Regional Planejamento e Construções. O investimento é de cerca de R$ 6 milhões.

Restam agora alguns ajustes na área externa do terminal, envolvendo serviços de sinalização e pintura viária pela Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), além da ligação definitiva de água e luz. Também está sendo feito recape asfáltico na abrangência da entrada do terminal, localizado na avenida Sylvio de Barros, s/n.

As obras permitiram a ampliação do Terminal Milton Gavetti em quase três vezes, aumentando de 820 m² para 2.500 m² a área total construída. O equipamento público será mais moderno, funcional, com melhor fluxo de trânsito para veículos e passageiros, mais seguro e confortável. “Antes, as pessoas tomavam chuva com cobertura precária, ficavam expostas ao sol, e agora terão um terminal amplo, estruturado, com bicicletário dentro, podendo pegar seu transporte público com mais segurança. Estamos investindo forte em mobilidade urbana, e Londrina entra em uma nova fase de desenvolvimento para trazer mais qualidade de vida aos moradores”, frisou Marcelo Canhada.

Foram construídas plataformas e pistas de rolamento para os ônibus, cobertura com estrutura metálica e isolamento termoacústico, pavimentos rígidos em concreto com mais resistência e maior tempo de vida útil, construção de novos banheiros, cobertura, fraldário, bicicletário, pintura, sinalização e paisagismo. Outros serviços abrangem a troca de todo o cercamento e gradil do espaço, instalações elétricas, cabeamentos e fiação, sistema de iluminação, piso tátil, além da pavimentação na área externa de um trecho da avenida Sylvio Barros.

Novo Pronto Atendimento do Jardim Leonor será entregue em maio
Clique aqui para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Most Popular

Topo