Maringá

Juiz não autoriza retorno às aulas em escola de Maringá

Na tarde desta quinta-feira (25) o juiz substituto Marcel Ferreira dos Santos indeferiu o pedido de liminar para o retorno das aulas presenciais em uma escola particular de Maringá.

O juiz não autorizou o retorno dos estudantes para aulas presenciais, considerando o “grave risco à saúde imposto pela pandemia de coronavírus”. Na decisão foram apresentadas como justificavas a alta dos casos nos três primeiros dias dessa semana, bem como o alto índice de ocupação hospitalar em leitos de UTI para tratamento de pacientes com Covid.

O decreto municipal vigente (546/2021) prevê a suspensão temporária das aulas presencias, não impedindo a realização de atividades à distância.

 

 

Clique aqui para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo