Paraná

Executivo manda reprimir, com violência, protesto pacífico em memória das vítimas do coronavírus

Repressão truculenta, da administração municipal de Toledo – PR, contra um ato simbólico em memória das vítimas da Covid-19 e em defesa da vacina!

Na manhã de sexta-feira (26), o Comitê de Resistência e Solidariedade do município de Toledo , região oeste do Paraná,  realizou um ato  simbólico, com cruzes e faixas, em um dos parques do município, mas a administração municipal repreendeu, com truculência, a ação.

A atividade foi comunicada, antecipadamente, à prefeitura, por meio de oficio encaminhado as autoridades, informando os passos do movimento, cumprindo com os trâmites legais.

Foi uma atividade pacifica e simbólica, onde cruzes e faixas foram colocadas lembrando as vítimas da pandemia da Covid-19 e pedindo vacinação já. No entanto, logo no início da manhã, a guarda municipal foi acionada para reprimir o ato.

No vídeo, feito por um dos organizadores do ato, as cruzes e faixas foram arrancadas sem o menor respeito pelos manifestantes e pelo simbolismo que representavam. Não bastasse isso, uma das faixas chegou à ser destruída.

Contraditório é o fato de que, segundo informação, o prefeito de Toledo se encontra internado com Covid-19, lutando pelo direito de viver, enquanto a guarda municipal reprime o movimento. Ao que parece, neste município é proibido se manifestar em solidariedade às vítimas da Covid-19 e defender a vacina e a Ciência.

 

Saiba mais

Clique aqui para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo